Terça-feira, 29 de Abril de 2008

Meu Barco Meu Rochedo

mar3.jpgPreciso de me desligar do tédio das rotinas repetidas,Dar uma volta por aí, sair da cidade cansativa,Pegar boleia de barco e subir montanhas de água sem rumo,Deixar que os olhos se consolem do nada, só horizontes errantes e rasgados,Nos cheiros dos mares e céus e que as nuvens dancem para mim…Quero que os ruídos das ruas se danem,Fiquem roxas de inveja quando souberem da minha ida,Pelas estradas da água, chapinando os pés na espuma das ondas,- Ó harpas ondulantes, toquem para mim as cantigas dos navegantes!...E de braços erguidos beijar a neblina na pontinha da proa,Sussurrando ao fresco que me inunda quanta é a paz que me invade,E se o mar revolto ficar, não o vou desafiar, antes;Vou abrandar sua ira com acordes da minha voz, cantando e assobiando…- Contando histórias de marés mansas que ouvi na praia das rochas musicais!...Olhar e ouvir os cânticos das baleias nos seus caminhos azuis de procissão,Acenar e aplaudir os bailados dos golfinhos nas largas salas de danças de água,Aprender com o olhar a desenhar na tela do céu o deslumbre que as estrelas me dão,E o sol e a lua, fiéis companheiros, hão-de lembrar-me para guardar,Embrulhar… bem cá dentro de mim… estas impressões inusitadas…E um dia quando voltar a terra, à cidade cansada e barulhenta,Irei gravar nas pedras das ruas a solene embriaguez,Com que o mar me toldou a inquietude da alma na calma que me foi dada!...Carlos Reis(Imagem:Web)
publicado por In Loko às 06:44
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Sexta-feira, 18 de Abril de 2008

Amanheceres

brilhos_horizonte.jpgMuito gosto eu das janelas abertas ver o raiar do sol pela manhã,As pinceladas multicoloridas são um dançar eterno,Nas nuvens, nos telhados, no bocado da água do rio que daqui vejo,São sempre diferentes… cada dia é um renascer,Luminosos corpos e figuras se criam e agigantam,Aos meus olhos pasmados e deliciados de luz e cor…As gaivotas em grupo dançam na tela do céu,Em desenhos síncronos de alegria, estendidos, de ballet,São criaturas de coração e alma que gozam no ar,Em sinfonias de silêncio... ou de cantares de namoros escolhidos…As pombas aparecem desconfiadas, naquele ar que parece meio tonto,Olham-me na dúvida… há ou não comida? Penso eu que me perguntam!...Faço aparecer nas minhas mãos bocados de pão que lanço no ar,E as acrobatas se saciam no chão, com seu andar autómato,Vaidosas com seu rabo a dar e dar como leque refrescante…Cheiro divinamente o aroma do café do vizinho, Sítio de passagem dos amanheceres, dos olás, e do café tonificante,Chupando cigarro e sorrisos nos olhos,Olho o relógio... é a penitência depois do gozo do amanhecer,Não tenho dúvidas, está na hora de me pôr a mexer!...Mas antes de me ir, lanço último olhar aos telhados coloridos,Ao céu pintado por mim... sou eu que o vejo assim!...E sei que dia vai ser bonito,Tal como os desenhos das gaivotas à minha frente deambulando…E os violinos do bem-estar que até agora me acompanharam,Vou deixá-los à janela… impressões minhas…Amanhã pego neles e bom som me vão dar novamente,Exactamente como o cantar dos pássaros todos os dias,Tal como o cheiro divino do café do vizinho!...Carlos Reis(Imagem:Web)
publicado por In Loko às 06:15
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Segunda-feira, 7 de Abril de 2008

Brincando com Mar

mar2.jpgÀs tardes e às noites quando te olho em cima do paredão,Respiro-te bem fundo, gosto do teu cheiro, gosto do teu olhar,Da tua garra mar,Fazes-me caretas e ruges como trovão, soberbo som o teu,Mas mar não me metes medo, gosto de ti assim ansioso por me alcançares…E gosto da tua fúria embatendo nas rochas abraçando-as,Salpicando meu rosto de água com teu mau feitio,E eu gozo com isto, e sorrio-te… não me intimidas,Mar…Adoro ver teu corpo dançarino e vaidoso e rebelde,Ziguezagueando desde lá de longe...ondulado e desvairado,Qual manto de amante enraivecido, secreta armadilha tua,Que ameaça pegar-me... mas matreiro eu, só te deixo pensar-me, Só te deixo aos meus olhos e sentires… enfureceres-te, Deliciando-me com teu vozeirão de pranto!Gosto do teu ar de arrojo, rebeldia de guerreiro destemido,Quando te levantas ameaçador,Parece tudo engolires sem desdém... arrasador,Mas é assim que te gosto, descontrolado, sem pudor!...Enfrento-te sempre com risos,Encharcados de água dos teus dedos que não me agarram,Ficas bravo por não te temer,E de gostar cheirar os teus cheiros sem receios,Mar...E tu Lua que te ris abertamente com minhas brincadeiras com mar,É neste crepúsculo de azuis menina de olhar de luz que te mostro,Reflectido nos lagos dos teus olhos o meu rosto molhado de alegria!...Carlos Reis(Imagem:Web)
publicado por In Loko às 06:17
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.posts recentes

. Ir Assim

. Acenos

. Intemporalidades

. HORAS

. Toques

. Eu, Tu e a escrita

. Desfrutar Diálogo

. Bom Dia - Boa Noite

. Emancipação do Olhar

. Contentamento

.arquivos

. Maio 2013

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds