Sexta-feira, 7 de Maio de 2004

Principezinho

principezinho.gifPRINCIPEZINHO - Enxerto de Principezinho/Antoine de Saint-ExupéryFoi então que apareceu a raposa.-Olá, bom dia! - disse a raposa.-Olá, bom dia! - respondeu delicadamente o principezinho que se voltou mas não viu ninguém.-Estou aqui -disse a voz - debaixo da macieira.-Quem és tu? - perguntou o principezinho. - És bem bonita...-Sou uma raposa - disse a raposa.Anda brincar comigo - pediu-lhe o principezinho. - Estou tão triste...-Não posso ir brincar contigo - disse a raposa. - Não, estou presa...- Ah! Então desculpa! - disse o principezinho.Mas pôs-se a pensar, a pensar, e acabou por perguntar:- O que é que "estar preso" quer dizer?- Vê-se logo que não és de cá - disse a raposa. - De que é que tu andas à procura?- Ando à procura de amigos. O que é que "estar preso" quer dizer?- É uma coisa que toda a gente se esqueceu - disse a raposa. - Quer dizer que se está ligado a alguém, que se criaram laços com alguém.- Laços? - Sim, laços - disse a raposa. - Ora vê: por enquanto, para mim, tu não és senão um rapazinnho perfeitamente igual a outros cem mil rapazinho. E eu não preciso de ti. E tu também não precisas de mim. Mas, se tu me prenderes a ti, passamos a precisar um do outro. Passas a ser único no mundo para mim, E, para ti, eu também passo a ser única no mundo...- Sabes, há uma certa flor... tenho a impressão que estou preso a ela...- Tenho uma vida terrivelmente monótona- disse a raposa. Mas, se tu me prenderes a ti, a minha vida fica cheia de Sol. Fico a conhecer uns passos diferentes de todos os outros passos. Os teus passos hão-de chamar-me para fora da toca, como uma música. Os campos de trigo não me fazem lembrar de nada. Mas os teus cabelos são da cor do ouro. então quando estiver presa a ti vai ser maravilhoso. Como o trigo é dourado, há-de fazer-me lembrar de ti!...- Por favor, prende-me a ti. Só conhecemos as coisas que prendemos a nós - disse raposa.- E o que é que é preciso fazer - disse principezinho.- É preciso ter muita paciência. Primeiro sentas-te um bocadinho afastado de mim, assim, em cima cima da relva. Eu olho para ti pelo canto do olho e tu não dizes nada. Mas todos os dias te podes sentar um bocadinho mais perto...E o principezinho voltou no dia seguinte.- Era melhor teres vindo à mesma hora. - Se vieres, por exemplo, às 4 horas, às 3 já eu começo a ser feliz. E quanto mais perto for da hora, mais feliz me sentirei. Às 4 em ponto já hei-de estar toda agitada e inquieta; é o preço da felicidade! Se vieres a uma hora qualquer não saberei quando hei-de arranjar meu coração, pô-lo bonito... são precisos rituais. - O que é um ritual?- perguntou principezinho. - Também é uma coisa de que toda a gente se esqueceu. É o que faz com que um dia seja diferente dos outros dias a uma hora certa.- Adeus raposa... - Adeus - disse a raposa... mas antes vou contar-te um segredo. É muito simples: Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível para os olhos... Foi o tempo que perdeste com a tua flor, a tua Rosa, que tornou a rosa tão importante para ti... os homens já se esqueceram desta verdade, mas tu não te deves esquecer dela. Ficas responsável para todo o sempre por aquilo que está preso a ti. Tu és responsável pela tua Rosa...- Sou responsável pela minha Rosa. - repetiu o principezinho para nunca mais se esquecer!
publicado por In Loko às 05:22
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Lara a 7 de Maio de 2004 às 19:28
Amigo!!!!Já tens sommmmm :)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.posts recentes

. Ir Assim

. Acenos

. Intemporalidades

. HORAS

. Toques

. Eu, Tu e a escrita

. Desfrutar Diálogo

. Bom Dia - Boa Noite

. Emancipação do Olhar

. Contentamento

.arquivos

. Maio 2013

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds