Terça-feira, 31 de Março de 2009

Em Nome do Gostar

aurora_serena.jpgNo desdobrar da noite para o dia há um encanto sublime na madrugada, é o canto da aurora tão fresca e silenciosa que estende as suas mãos pelas sombras que pairam no horizonte, ainda semi-escuras, tendendo a desaparecer aos meus olhos nos ténues cabelos de colorações de azuis, verdes e laranjas que o sol dá na sua aproximação, e que as aves em regozijo celebram nos seus carrosséis sem parar… é festim, são bailados, é satisfação!E o despertar da manhã faz-se sentir nos mais bondosos afagos dos braços e abraços do astro reluzente que enchem meus olhos de cores pela dourada cabeleira que surge comovente e lentamente… são reflexos do seu ânimo brilhante e sorridente… e eu sorrio no meu âmago contente ao pressentir que mais este novo dia de vida vai ser lindo para saborear e viver… são dádivas de prazer e louvar… e os brilhos dos meus olhos o confirmam!Deixo-me tomar por toda esta envolvência e rejubilo no fresco que brinca no meu rosto e cabelos, e pelas cores espalhadas em desenhos originais sem limites… e a minha mente eleva-se livremente deixando o espírito solto para vaguear sem tempo… Sinto-me alto, tão alto e grandioso que me encosto ao lado do belo e enorme olho do sol que tudo vislumbra cá para baixo a seu belo prazer numa esmagadora visão de quão é bonito o rio que circunda a minha janela… onde estou observando a magia do nascer do dia.Esta alucinada dormência quase palpável faz-me ganhar o surreal das sensações do tino do tempo e espaço... E perco-me em divagações febris que não consigo controlar!..Chegam-me sopros melodiosos vindo com a aragem da brisa dos lados do mar… vozes esguias femininas de contentares, celebrações… e não entendo bem de onde vêm estes musicais de encanto!Terão as sereias, vindo atraídas pelas correntezas das ondas do mar nos seus secretos desígnios, se reunido na minha praia em cima do rochedo dentro da água onde faço meus pedidos de felicidade?!... Onde peço aos mistérios do Universo que iluminem o meu pensar em visões ancestrais?!!Terão os céus aberto o livro dos caminhos ainda pouco trilhados; onde a inventiva, o imaginário, o real, se juntam num só lugar para confraternizar em aleluias no palco omnipresente da matéria diluída do gostar de viver… e sorver os cheiros das entranhas que nos alegram e criam?!Serão os invisíveis túneis cognitivos, em venturosas manifestações de lembranças, que nos avivam a memória para - Em Nome Do Gostar De Despertares Belos Assim, estão as sementes da criação de quem amamos e de quem nos amam?!Ou não passam de subtis ludibriares dos anjos que, nas suas longas asas etéreas e corpos transparentes de plasma enchem de luz os confins dos tempos, e incorporam os átomos no dorso da existência em todo o Cosmos, na construção maior e deslumbrante… a eloquente majestade que existe… a partitura da vida? E agora que o dia lindo abriu os olhos… vou sair… vou saboreá-lo!!!Carlos Reis(Imagem:Web)
publicado por In Loko às 07:01
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Beatriz a 2 de Abril de 2009 às 12:13
"No desdobrar da noite para o dia há um encanto sublime na madrugada, é o canto da aurora tão fresca e silenciosa que estende as suas mãos pelas sombras que pairam no horizonte..."

E assim tu, meu Poeta querido, começas a desfiar cada momento que tinge a madrugada de poesia, e vais aos poucos nos trazendo pedacitos de sonhos que colhes no entremear de palavras que enriquecem, não só o texto, mas vem inundar da mais pura Poesia a nossa alma. E nos fazes participar ao "lado do belo e enorme olho do sol" da magia do nascer do dia. De mais nada precisamos para ter a certeza de que fomos presenteados, logo de manhãzinha, com o encanto que jorra desse teu olhar de Poeta. Fascina-me ler o que tu escreves com tanta mestria! Que te chegue uma quinta-feira do jeitinho desta que recebi de presente ao te ler: envolta na mais pura magia! Uma rosa no teu olhar, um beijo no teu coração, com meu carinho!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.posts recentes

. Ir Assim

. Acenos

. Intemporalidades

. HORAS

. Toques

. Eu, Tu e a escrita

. Desfrutar Diálogo

. Bom Dia - Boa Noite

. Emancipação do Olhar

. Contentamento

.arquivos

. Maio 2013

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds