Quarta-feira, 30 de Junho de 2004

Adamastor

Adamastor.gifAdamastor no Cabo da Boa EsperançaJá a vista, pouco a pouco, se desterraDaqueles pátrios montes, que ficavam;Ficava o caro Tejo e a fresca serraDe Sintra, e nela os olhos se alongavam.Ficava-nos também na amada terraO coração, que as mágoas lá deixavam.E, já depois que toda se escondeu,Não vimos mais, enfim, que mar e céu.Assim fomos abrindo aqueles mares,Que geração alguma não abriu,As novas Ilhas vendo e os novos aresQue o generoso Henrique descobriu;De Mauritânia os montes e lugares,Terra que Anteu num tempo possuiu,Deixando à mão esquerda, que à direitaNão há certeza doutra, mas suspeita.Passámos a grande ilha da Madeira,Que do muito arvoredo assim se chama;Das que nós povoámos a primeira,Mais célebre por nome que por fama.Mas, nem por ser do mundo a derradeira,Se lhe avantajam quantas Vénus ama;Antes, sendo esta sua, se esqueceraDe Cipro, Gnido, Pafos e Citera.Deixámos de Massília a estéril costa,Onde seu gado os Azenegues pastam,Gente que as frescas águas nunca gostaNem as ervas do campo bem lhe abastam;A terra a nenhum fruto, enfim, disposta,Onde as aves no ventre o ferro gastam,Padecendo de tudo extrema inópia,Que aparta a Barbaria da Etiópia.Passámos o limite aonde chegaO sol, que para o norte os carros guia;Onde jazem os povos a quem negaO filho de Climente a cor do dia.Aqui gentes estranhas lava e regaDo negro Samagá a corrente fria,Onde o Cabo Arsinário o nome perde,Chamando-se dos nossos Cabo Verde. (continua)Luís Vaz de Camões
publicado por In Loko às 06:37
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.posts recentes

. Ir Assim

. Acenos

. Intemporalidades

. HORAS

. Toques

. Eu, Tu e a escrita

. Desfrutar Diálogo

. Bom Dia - Boa Noite

. Emancipação do Olhar

. Contentamento

.arquivos

. Maio 2013

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds